Blog da célula – Foi por Amor – Grupo de comunhão.

Mas se tudo é pela graça, qual o papel da lei de Deus? O apóstolo Paulo deixa isso bem claro: “É mediante a lei que nos tornamos plenamente conscientes do pecado? (Romanos 3:20). Se alguém desconsidera a lei, desconsidera também a existência do pecado. Se não há lei, então não existe pecado. Se não há pecado, não existe necessidade de graça para Salvação.

Deus revele o pecado por meio da Sua Lei. O papel da lei é definir o pecado. A lei diz: “Isso é correto isso é errado.” Ela define o padrão moral para o julgamento de Deus. Estabelece os valores para toda a sociedade.

O julgamento convida homens e mulheres de todos os lugares a se voltarem para a observância da lei. Ele chama os cristãos que foram salvos pela graça a viver de forma obediente, justa e santa.

Qual o papel da graça? “Pois vocês são salvos pela graça, por meio da fé, e isto não vem de vocês, é dom de Deus; não por obras, para que ninguém se glorie” (Efésios2:8-9). A graça consiste na misericórdia e no perdão de Deus. É o poder que vem do alto. É o amor de Deus alcançando os pecadores. Será que a graça elimina a necessidade da lei divina? Se sou salvo pela graça, isso me leva a descumprir a lei de Deus?

“Anulamos então a lei pela fé? De maneira nenhuma! Ao contrário, confirmamos a lei” (Romanos 3:31). Paulo está declarando o seguinte: “Não pense que podemos eliminar a lei com a graça.” Nós a estabelecemos, a guardamos. As pessoas que são salvas pela graça desejam viver de maneira obediente, em harmonia com a vontade de Deus.

Certa vez um Pastor estava apresentando uma série de pregações sobre a lei e ao término ele saiu acelerado com seu carro por uma estrada, ele estava com muita pressa sendo que a velocidade permitida na via era de 80 Km por hora, porém ele estava à 110 Km por hora. Um policial o viu e o seguiu mandando o motorista apressado encostar, ao encostar o policial pede documentação fala sobre o excesso de velocidade. O homem se identifica e apresenta-se como Pastor e fala que estava apresentando uma série de pregações sobre a Lei, e sabe que está errado dizendo que: “Eu digo para as pessoas seguirem a lei e o Senhor corrigi aqueles que não cumprem a lei, portanto  o senhor poderia me conceder a graça desta única vez.” O guarda olha para o Pastor e pensa, pensa e diz: “tudo bem, pode ir mas cumpra a lei.”

Quando o Pastor descumpriu a lei o que ele merecia? Merecia uma multa. Isso mesmo. Mas quando ele recebeu o perdão, isso o liberou da multa, sim liberou, mas a graça não o liberou da jurisdição da lei? Será que ele voltou para o carro e disse pela graça fui liberado da multa e estou também livre da lei por causa disso posso ultrapassar a velocidade novamente? Claro que não!

Jesus nos salvou pela graça e por isso talvez não precisaríamos mais obedecer a lei? Claro que somos salvo pela graça, mas isso não determina que podemos desobedecer a lei.

Jesus Disse: “Não pensem que vim abolir a Lei ou os Profetas; não vim abolir, mas cumprir” (Mateus 5:17). Jesus não veio para eliminar a Lei. Leia (Êxodo20:1-17)! Que Jesus o abençoe!

Escrito por Elton F. Assumpção

Anúncios

Comentários em: "O Papel da Lei e da Graça" (1)

  1. O conceito que os primeiros cristãos tinham da graça era diferente que a de nós. A igreja primitiva não via a graça como algo que passa por alto os pecados senão aquela que nos ensina como arrepender nos dos pecados. Veja… http://www.aigrejaprimitiva.com/dicionario/GRACIA.html

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: